quinta-feira, 17 de agosto de 2017

"Budha em Blue Jeans" 6





                              
Tai Sheridan

Continuando o texto da semana anterior.....
Seja quem você é

Não perca sua vida tentando ser outra pessoa.
Não desperdice sua vida tentando viver além de suas possibilidades.
Não perca sua vida imitando outros.
Não perca sua vida vivendo as expectativas dos outros.
Não perca sua vida invejando os outros.
Seja autentico.
Seja genuíno.
Seja real.
Seja você mesmo.
Você ganhou na loteria, você é você.
Você é Budha em Blue Jeans.
Divirta-se sendo você mesmo!

Você vai aprender isto no quieto sentar!

                                                                                       

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

"Budha em Blue Jeans"5

Tai Sheridan

Continuando o texto da semana anterior.....
A Dor é natural

A Dor é parte natural da vida.
Aprenda  aceita-la.
Aprenda como cuidar dela o melhor que puder.
Diminua as reclamações.
Diminua o autocentramento em volta dela.
Todos têm Dor.
Respire e relaxe na Dor tanto quanto puder.
Por favor, aceite a dor como natural.


Você vai aprender isto no quieto sentar!

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

“Budha em Blue Jeans”4


                             Tai Sheridan

Continuando o texto da semana anterior.....

Dê uma sala aos pensamentos:

Teus pensamentos são apenas teus pensamentos.
Eles não são tua vida.
Eles são teus pensamentos.
Faça uma sala tão grande quanto o céu na tua mente.
Teus pensamentos podem ser nuvens que flutuam nela.
Alguns dos teus pensamentos são claros.
Alguns dos teus pensamentos são confusos.
Acredite, são apenas pensamentos.
Uma mente aberta não é apegada a pensamentos e crenças.
Pensamentos podem ser uma prisão.
Observe eles vindo e indo, isso permite você brincar com o universo.
Por favor, observe seus pensamentos indo e vindo!

Você vai aprender isto no quieto sentar.    

quinta-feira, 27 de julho de 2017

"Budha em Blue Jeans" 3



Continuando o texto da semana anterior.....

Aceite seus sentimentos

Seus sentimentos são suas respostas viscerais e de coração ao mundo.
Tudo que você sente está certo.
Sentimentos ( e/ou emoções) podem ser difíceis.
Aceite seus sentimentos.
Às vezes você pode confiar neles como uma resposta honesta sobre pessoas e situações.
Às vezes você não pode confiar neles, são reações a pessoas e situações.
Organize isto.
Seus sentimentos vão te dizer o que realmente necessita.
Aprenda a ser gentil com tuas necessidades não atendidas.
Peça com gentileza o que você quer.
Respeite o direito de todos de dizer sim ou não para tuas necessidades.
Desista de ser autocentrado tanto quanto possível.
Por favor, divirta-se com seus sentimentos!


Você vai aprender isto no quieto sentar.      

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Budha em Blue Jeans 2


Resultado de imagem para buddha in blue jeans

                              
Tai Sheridan

Continuando o texto da semana anterior...
(o capítulo anterior está no blog)

Cuide de seu corpo

Seu corpo é sua vida.
Por favor, cuide bem dele.
Habite seu corpo.
Viva gentilmente dentro dele.
Machuque seu corpo o menos possível.
Você vai ficar surpreso com quantas vezes não se conecta com seu corpo.
É um aprendizado para toda vida.
Durma bem e o suficiente.
Coma bem e não demais.
Mova-se e alongue-se o suficiente.
Aceite e cuide de suas dificuldades médicas.
Você sabe o que seu corpo precisa para ficar saudável e vivo.
Por favor, divirta-se tomando conta de seu corpo!


Você vai aprender isto no quieto sentar. 

sexta-feira, 14 de julho de 2017

"Budha em blue jeans"


                             
Tai Sheridan

Nestas próximas semanas vou compartilhar os capítulos que traduzi deste livro.
Sugiro que escolha um momento tranquilo e leia cada texto em voz alta, calmamente.
Vou compartilhar sem propósitos comerciais e na sua forma original completa porque este é exatamente o desejo do escritor; e, se pensar que é interessante, compartilhe você também com teus conhecidos respeitando esses pedidos do autor
.
Tai Sheridan, Mestre Zen, poeta, psicólogo, seus livros transformam textos budistas clássicos em acessíveis e inspirados versos.
_____________________
Introdução
Este é um livro extremamente breve, simples e direto.
É um guia universal para praticar o quieto sentar e ser você mesmo, que é o mesmo que ser Buda. O quieto sentar pode ensinar você vários meios para aceitar a vida, se encontrar com a dor, agir com delicadeza e morrer sem remorsos.
Escrevi este livro por uma razão: encorajar você ao quieto sentar todos os dias.
Por favor, divirta-se sendo Budha em Blue Jeans: uma pessoa de presença, abertura, amor e beneficio.
Tai Sheridan
Kentfield, California 2011.
Dedicação
Ao Grande Silêncio
“Ouça o som do silêncio”
Paul Simon
Quieto sentar
Esta é a pratica Zen mais importante.
É uma aula para viver uma vida sábia e bondosa.
Sente-se em qualquer lugar e esteja quieto: num colchão, numa cama, num banco, dentro, fora, encostado numa árvore, à beira de um lago, de um oceano, num jardim, num avião, na cadeira de seu escritório, no chão, no seu carro.
Tapetes de meditação também tudo bem.
Sente-se a qualquer hora: manhã, noite, um minuto, 3 anos.
Vista-se com o que tiver.
Deixe a cintura livre para que seus pulmões possam se mover com sua respiração.
Sente-se o mais relaxado possível.
Relaxe seus músculos no início e durante o quieto sentar.
Sente-se com as costas retas mas não duras.
Mantenha sua cabeça (levemente inclinada) de forma que suas orelhas apontem para cima.
Respeite todas as recomendações medicas.
Fique na posição que conseguir.
Todas as posturas estão bem.
Faça como puder.
Deixe seus olhos levemente abertos mas não foque em nada.
Fechar os olhos vai te deixar sonolento, às vezes atribulado.
Respire pelo nariz com tranquilidade.
Divirta-se respirando.
Sinta sua respiração.
Observe sua respiração.
Torne-se sua respiração
Torne-se um gato ronronando.
Siga sua respiração como as ondas do oceano vindo e indo.
Quando se distrair, volte a mais simples e básica experiência de estar vivo, sua respiração.
É isso.
Sem crenças.
Sem programa.
Sem dogma.
Você não precisa ser Budista.
Você pode ter qualquer fé, religião, raça, nacionalidade, gênero, classe social ou capacidade.
Apenas sente tranquilamente, conecte-se com sua respiração e preste atenção ao que acontece.
Você vai perceber coisas.
Exercite quando quiser.
Você decide quanto é suficiente para você.
Se você o fizer diariamente, vai entrar em seus ossos.
Por favor, divirta-se no quieto sentar !

A única forma para aprender o quieto sentar é fazendo.    

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Ondes está a verdadeira natureza

                                                 
Seja na forma que a vida está, nossa natureza budica também está ali. E sempre está perfeita.
Se diz que não somente os Budas podem alcançar isso na sua infinita sabedoria, nem os seres sencientes conseguem roubar isso através sua aparente confusão.
Nossa verdadeira natureza pode ser comparada com o céu, e a confusão da mente comum com as nuvens.
Alguns dias o céu está totalmente obscurecido pelas nuvens.
Quando estamos no solo observando esse céu fica difícil de acreditar que existe algo além das nuvens.
Mas se estivéssemos num avião viríamos que apesar e acima das nuvens existe um céu claro azul sem limites.
Ali em cima, percebemos que as nuvens que acreditávamos serem totais, são tão frágeis e pequenas.
Sempre deveríamos lembrar: as nuvens não são o céu e não pertencem ao céu; elas só estão ali “penduradas” se formando e se desmanchando. Elas não podem manchar nem marcar o céu.
Os episódios difíceis da vida e os melhores também são apenas nuvens; eles não mancham nossa verdadeira natureza budica luminosa sempre presente, que é a nossa base para descobrir um olhar livre para os eventos.
Essa natureza budica lúcida e livre existe para TODOS os seres; alguns percebem e acessam sua existência, outros demoram um pouco mais.
A meditação permite acessar essa natureza.
(seguindo ensinamentos de Sogyal Rinpoche)